Visita a Robben Island, em Cape Town!

Um dos passeios mais legais de se fazer na Cidade do Cabo é visitar a Ilha Robben, local onde Nelson Mandela e outros grandes figurões políticos ficaram presos durante anos por causa do regime Apartheid.

Vale frisar que esta não foi a única prisão onde Mandela ficou encarcerado, entretanto, foi a que ele mais passou tempo. O ticket para ir até lá é concorrido, compre com pelo menos um mês de antecedência! Custa ~80 reais por adulto. E ainda há chance de ser cancelado devido às condições climáticas.

Robben Island_Cape Town_Mandela (52)
A caminho da Ilha Robben

Bem, com o ticket comprado, seja pontual e vá para o local de onde sai o passeio, um estabelecimento bem sinalizado em Waterfront (difícil não passar por este píer cheio de lojas e restaurantes, meio que símbolo de Cape Town, falarei mais a respeito num post dedicado apenas pra cidade!). Há uma fila e um raio X de segurança antes de entrar no barco.

SAMSUNG CAMERA PICTURES
A entrada do local onde pegamos o barco para a ilha, em Waterfront!

O trajeto desde a terra firme até a Ilha Robben demora cerca de 45 minutos e gostei bastante, a vista é linda!

SAMSUNG CAMERA PICTURES
O barco

Chegando lá, todos do barco são separados em ônibus. No meu dia acho que eram uns 3 grupos… apesar de velhos, os ônibus eram bem grandes, vários lugares para sentar. Vem então um guia com microfone, que te leva para conhecer a ilha.

DCIM101GOPROGOPR1899.

Robben Island_Cape Town_Mandela (10)

Robben Island_Cape Town_Mandela (28)
Os busões

Adorei as narrações dele, havia uma raiva sincera nos seus relatos, quando mostrava cemitérios de leprosos, casas de tortura psicológica, centros de trabalho forçado… e cada história triste e impactante que ele contava, gente! Das injustiças contra pessoas que só lutavam pela igualdade dentro de seu próprio território! Foi de arrepiar!

Robben Island_Cape Town_Mandela (25)

Robben Island_Cape Town_Mandela (17)
Pela janela…
Robben Island_Cape Town_Mandela (15)
Pela janela 2…

Esse tour demora uns 45 minutos com parada para lojinha de snacks e fotos da “terra firme”, vulgo Cidade do Cabo distante. Algumas pessoas vivem na Ilha Robben, mas são poucas, e para fazer quase tudo precisam pegar um barco até a cidade. Até as crianças, para irem à escola, devem tomar um transporte. De lá da parada, o ônibus nos deixa de fato na prisão.

@amanda.saviano Instagram (1)
Eu posando com a “terra firme” ao fundo

Daí, quem lidera essa parte do passeio e torna-se o guia é um ex-preso político da época! Muito bacana essa sacada, né? Uma maneira de valorizá-los e também aproximar o turista da realidade vivida naquela ilha.

Robben Island_Cape Town_Mandela (35)
Nosso guia da prisão

Somos conduzidos então para dentro prisão até uma sala ampla, onde todos do ônibus cabiam. Lá, por cerca de meia hora, nosso guia conta o dia a dia na prisão, dos absurdos que sofriam, como faziam para se comunicar, comer, ver suas famílias, debater outros temas políticos… aulão de história ao vivo!

Robben Island_Cape Town_Mandela (40)

Robben Island_Cape Town_Mandela (43)
Todos reunidos para ouvir o relato

Há espaço para perguntas também, e todos os turistas tem a liberdade para sanar qualquer curiosidade, desde como tomavam banhos, relacionamento com os guardas, etc etc

Então o guia nos conduz por dentro da prisão até a cela onde Mandela ficou preso. Ela é uma cela igual a todas as outras, tanto que até tive dificuldade em reconhecer rsrs mas seu número é histórico, 46664, por ter sido o 466º preso no ano de 1964.

Robben Island_Cape Town_Mandela (49)
Corredor das celas

Robben Island_Cape Town_Mandela (48)

DCIM101GOPROGOPR1893.

DCIM101GOPROGOPR1898.
Pátio onde presos tomavam sol

Após essa visita impactante, temos alguns minutos livres para ver lojinhas (sempre elas hahaha o mundo capitalista tá aí, né!) e tirar algumas últimas fotos até o barco de volta para o Waterfront. O passeio todo durou das 13h até às 17h, incluindo o trajeto de barco. Há opções de outros horários também, como pela manhã.

DCIM101GOPROGOPR1900.
Por dentro do barco

Achei a visita super bem estruturada, organizada e rica em informações! O passeio para a Ilha Robben vale muito a pena e abre nossos olhos para a triste realidade que foi o Apartheid. Quem puder, vá!

Beijos,

Amanda


O passeio foi oferecido ao blog amandAqui como cortesia, o que não interfere na opinião expressada neste post.


 

Anúncios

14 comentários Adicione o seu

  1. Mapa na Mão disse:

    Visita impactante mesmo, como tu mesma disseste, nossa, mas achei incrível. Deve ser emocionante e o lugar tem também vistas lindas, né. Beijos.

    Curtido por 1 pessoa

  2. alexandrajoia disse:

    Caramba esse post chegou super em boa hora. Iremos em Fevereiro e o passeio está no top da lista. Visitamos Alcatraz em SF e adoramos, não deixarei de visitar essa ilha com certeza. Obrigada.

    Curtido por 1 pessoa

  3. Alessandra Fratus disse:

    Emocionante! A história da África do Sul é tão linda e forte… Já estou planejando minha próxima visita ao país pra conhecer Cape Town. Vou me dedicar exclusivamente a essa região, que parece incrível!

    Curtido por 1 pessoa

  4. Lulu Freitas disse:

    Não conhecia esse passeio. Muito importante não esquecer o passado ainda mais tão recente. Além de um lindo cenário de passeio de barco.

    Curtido por 1 pessoa

  5. Um passeio histórico e com um percurso cheio de lindas paisagens.
    Muito legal a iniciativa de colocar um ex-preso pra contar todos os detalhes, torna a visita mais realista.

    Curtido por 1 pessoa

  6. Um passeio histórico e com um percurso cheio de lindas paisagens.
    Muito legal a iniciativa de colocar um ex-preso pra contar todos os detalhes, torna a visita mais realista.

    Curtido por 1 pessoa

  7. Diego Cabraitz Arena disse:

    Nossa, que passeio diferente mas muito interessante. Sempre que pesquisei sobre a Africa do Sul nunca tinha visto sobre essa ilha.
    Achei linda e cheia de história. Sua foto com a terra firme ao fundo ficou bem legal!

    Curtido por 1 pessoa

    1. Legal que ajudou vc a conhecer lugares novos!

      Curtir

  8. Analuiza disse:

    O Apartheid é mais um dos capítulos negros da história da humanidade. É difícil de entender estas trajetórias. Deve ser bem doído ver tudo isso de perto, ao vivo, principalmente com narrativa local. A energia deve ser bem forte, triste… Ainda bem que tudo isso acabou. Tomara que jamais se repita!

    Curtido por 1 pessoa

  9. Waowww.. Passeio incrível… Deve ser emocionante, Ainda não fui para a África, mas já quero!! =)

    Curtido por 1 pessoa

  10. Realmente impactante. Visitar um local onde pessoas ficaram presas é de arrepiar, mas é bom conhecer algumas histórias assim para que a nossa geração não cometa os mesmos erros do passado

    Curtido por 1 pessoa

Opine aqui à vontade!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s