Minha experiência: Em busca da Aurora Boreal!


O último texto do ano é super especial, escrito pela querida Bianca Accorsi, amiga viajante que já colaborou no amandAqui aqui e aqui. Obrigada por mais um post incrível!


Um dos itens da minha bucket list era ver a Aurora Boreal. Desde os tempos de escola imaginava como seria. Era um plano de longo prazo, mas sabe como é a vida né? Sempre surpreendente.

E assim, sem muito planejamento, simplesmente aconteceu.

Enquanto estava no meu gap year acabei dando um pulo na Suécia para visitar uma amiga que está morando em Estocolmo e comentei que seria perfeito se conseguíssemos ver a Aurora Boreal. Então, compramos passagem de trem de Estocolmo para Kiruna, bem ao norte da Suécia (na Lapônia). A viagem é demorada e cansativa, foram umas 16 horas num trem bem antigo. Quem preferir pode ir de avião também, porém como era alta temporada e nós não tivemos muito tempo para planejar, o preço estava incrivelmente alto.

Kiruna Suécia
Kiruna cheia de neve. Créditos: Bianca Accorsi

A estação de trem em Kiruna oferece um ônibus que leva os passageiros de graça até o centrinho da cidade. É super útil porque a quantidade de neve dificulta muito andar com mala. Se você um dia pensar em ir para lá, não economize nas roupas de frio. Fui em janeiro de 2016 e peguei temperaturas em torno de -27ºC, sem falar que a quantidade de sol durante um dia é restrita. Teve um dia que o frio era tanto que formou gelo nos meus cílios! Kiruna é uma cidade pequena, mas tem muitos turistas interessados em ver a Aurora Boreal, o que faz com que não seja uma cidade barata. Turista = $$$ em qualquer lugar do mundo…

Depois de passar na central de informação ao turista, fomos direcionados a uma agência (não é permitido fazer o passeio desacompanhado) e compramos uma excursão de trenó puxado por snowmobile onde teríamos a possibilidade de ver Aurora. Sim, possibilidade e não certeza. Por ser um fenômeno natural, nem sempre acontece e o pessoal que faz o passeio deixa esse fato bem claro, você tem que ir pelo passeio, e ver a Aurora é uma consequência, mas não o principal.

O passeio saía de Abisko, um vilarejo de Kiruna, então, como estávamos em 5, alugamos um carro. Aproveitamos a comodidade do transporte para ir ver o famoso IceHotel, fundado em 1989 no vilarejo de Jukkasjärvi, e primeiro hotel no mundo feito de neve e gelo! Vale a visita!

Ice Hotel Suécia
Ice Hotel! Créditos: Bianca Accorsi

Antes de iniciar o passeio, recebemos um macacão para colocar por cima dos nossos casacos, luvas, botas e touca especiais para aguentar o frio rigoroso. Como o passeio é no meio de uma floresta, o frio é muito intenso, e mesmo com tudo isso de roupa ainda passamos frio.

Aurora Boreal
O grupo pronto para ver a Aurora Boreal. Créditos: Márcio Oliveira

E o momento finalmente chegou! Ansiedade mil! Pegamos o trenó puxado pelo snowmobile e paramos numa clareira onde pudemos ver a Aurora Boreal perfeita durante todo o tempo do passeio. Foi mágico!!! Foi um dos momentos mais emocionantes da minha vida. O nosso guia falou que tivemos sorte de ver uma Aurora tão bonita assim, e ainda mais na nossa primeira tentativa.  Eu não tenho nem palavras para descrever, nunca vi algo tão lindo! É surreal. É um desses momentos que te faz refletir sobre toda a tua vida e a existência da humanidade (risos).

Aurora Boreal
Créditos: Márcio Oliveira

Como o frio é muito, não sei qual a explicação física, mas muitas vezes as baterias das câmeras “morrem” e quando se vai para um lugar quentinho, a bateria volta como se nada tivesse acontecido. Ao pisar na clareira a minha bateria sumiu, a sorte é que o amigo Márcio Oliveira tem uma câmera que aguentou o frio e ele pode registar esse momento único nas nossas vidas.

Aurora Boreal
Créditos: Márcio Oliveira

Apesar de ser uma viagem bem complicadinha – por ser muito frio, ficar muitas horas no trem, Abisko ser longe do centrinho de Kiruna, preços altos e etc – ver a Aurora fez tudo valer a pena. É surpreendentemente lindo! O meu desejo é que todo mundo tenha a chance de passar por uma experiência dessas, pois é transformador.

Aurora Boreal
Eu com a Aurora Boreal! Créditos: Márcio Oliveira

Bianca Accorsi é publicitária de Porto Alegre, mas seu coração pertence à praia, qualquer uma a faz bem. Adora viajar e vai para os mais diversos lugares em busca de suas diferentes culturas. Se encanta por uma boa conversa e gosta de escutar as histórias de quem encontra por suas andanças pelo mundo.

Anúncios

2 comentários Adicione o seu

  1. angiesantanna disse:

    deve ser emocionante ver a aurora boreal, quero muito!! não sei se eu conseguiria passar 16h no trem antigo, sou friorenta demais aheuahe

    Curtido por 1 pessoa

  2. Flavia Zenke disse:

    Nossa, já li tantos post sobre a aurora boreal e como é dificil fotografar… não sabia sobre a bateria. Adorei o post e estou louca para um dia ver!

    Curtido por 1 pessoa

Opine aqui à vontade!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s