Porto, Portugal

Quando estava morando em Madri (vários posts da cidade já publicados!), fiz pequenas viagens de fim de semana pela Europa, como Amsterdã e Toledo. Foi num feriado mais prolongado, contudo, que fui conhecer, a contragosto, Portugal.

Explico: NUNCA tive vontade de conhecer hehehe não sei se era raiva subconsciente da colonização #nerd, desinteresse pelos pontos turísticos, influência das piadas brasileiras, enfim, não estava no topo da minha lista. Mas o destino nos prega peças, não é mesmo? E lá me deparei com uma passagem de 10 euros de Madri para Porto da Ryanair durante o feriado. Na verdade, 9,90. Partiu.

O roteiro era chegar a Porto, passar um dia, e logo fazer uma roadtrip descendo a costa do país até Lisboa. Assim que cheguei em Porto, me instalei no Airbnb reservado – aliás, quase todas as minhas acomodações, se não eram hostel ou casa de amigo, eram Airbnb – e, se você quiser um respiro de 24 euros na sua primeira estadia, pegue seu desconto amygo aqui! Enfim, me instalei e, morrendo de fome, quis logo comer o típico prato de Porto, a chamada “francesinha”…

DCIM101GOPROGOPR3398.
Francesinha – dividida em 2! É giga – com batata frita

Pense numa bomba de gordura e carboidrato kkkk, consiste em linguiça, presunto, salsicha (alooouuu embutidos), mortadela e bife, cobertos de queijo, ovo mole e molho. A versão latinona do “croque monsieur” hahaha

Do restaurante (mais pra boteco da esquina), fui bater perna. Na praça Carlos Alberto, uma das principais da cidade, já risquei da minha listinha a Igreja das Carmelitas e a Torre dos Clérigos. Muito próxima, também, a Livraria Lello e Irmão, que nada mais nada menos foi a inspiração de J.K. Rowling ao escrever Harry Potter, já que a autora morou lá entre 1990 e 1993 e ia sempre tomar um cafezinho pelo bairro hehe. Infelizmente, a entrada é PAGA (absurdo!!), e pode ser convertida no preço de um livro. Fui revolts e não entrei, apenas olhei de fora kkk

DCIM101GOPROGOPR3403.
Fachada da Igreja das Carmelitas
img_2698
Livraria Lello & Irmão
img_2701
Torre dos Clérigos ao fundo

Como dá pra ver pelas fotos, já estava ficando escuro, mas mesmo assim fui até a Sé do Porto (principal igreja da cidade) tentar entrar. Claro, estava fechada. De recompensa? Achei um miradouro liiindooo pertinho dela, onde fiquei um tempão admirando o Rio Douro e a ponte D. Luís, que está sobre o rio. Do outro lado da margem, várias marcas de vinhos “do Porto” têm seus armazéns.

img_2707

À noite, jantei num restaurante maravilhoso, o Zé Bota. Meu Deus que delícia!!! Super bem recomendado pelos principais sites da cidade, tem comida portuguesa típica mega bem feita. Peguei uma filazinha, afinal ele é pequeno e concorrido, mas vale a pena! Por pessoa, sai uns 25 euros… justo! Infelizmente estava tão imersa na experiência que sequer tirei foto hahaha

Após o jantar, desci até a margem do Douro para tomar um vinho do Porto (não pode faltar) e curtir o clima do local. De lá, minha host do Airbnb havia dito que a rua agitadinha para sair à noite era a Rua da Galeria de Paris e lá fui eu. Ela é apenas agitada no fim de semana, e consiste em vários restaurantes/barzinhos com música alta. Divertido mas nada UAU… confesso que nem esperava muito da vida noturna portuguesa hahahaha

No dia seguinte logo cedo parti para a roadtrip… Ah, um lugar que vale a pena ver em Porto também é a Estação São Bento, histórica e cheia de azulejos azuis rsrs, consegui dar uma passadinha nela na minha volta por Porto para pegar o avião.

Não tive roteirinho para seguir pela costa, via pelo GPS onde tinha uma praia legal e ia parando… foi uma delícia! A viagem de 3 horas de Porto a Lisboa acabou sendo feita em 6…

DCIM101GOPROGOPR3418.
Costa portuguesa
DCIM101GOPROGOPR3429.
Costa portuguesa
DCIM101GOPROGOPR3435.
Costa portuguesa
img_2781
Costa portuguesa

Olha, respeito mas não compreendo quem ama Porto. Ela é legal, mas nada assim sensacional ou que valha a pena o esforço. Lisboa é muito melhor, e logo logo sai o post dessa capital tão charmosa =)

Bjs,

Amanda

Ei, quer dicas sobre dirigir em Portugal? Clique no post do blog Turistando com a Lu!

Anúncios

4 comentários Adicione o seu

  1. Nós gostamos bastante de nossa viagem para Porto e, realmente, a comida é maravilhosa (gorda mas maravilhosa).

    Curtido por 1 pessoa

  2. Amanda… ando me divertido percebendo as nossas diferenças em relação a gostar ou não das cidades! Eu simplesmente me apaixonei por Porto, que considero hoje uma das cidades mais interessantes e atraentes que já visitei.

    Passei alguns dias explorando a cidade, cada rua, cada beco, tomando excelentes vinhos, comendo muito bem, conversando com pessoas, sendo acolhida… Admirei a cidade de ângulos variados, miradouros diversos.

    A história da cidade é forte, e arquitetura é bonita. Enfim, uma das cidades mais interessantes que já visitei. rsrsrs bjus

    Curtido por 1 pessoa

    1. Hahaha viva a diversidade!

      Curtir

Opine aqui à vontade!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s