Zurique, Suíça

Meu último post sobre a Suíça! Recordando, comecei em Genebra, fui para a Basileia, passei um fim de semana em Stuttgart (Alemanha), de lá segui para Berna, Lucerna e finalmente Zurique!

Antes de começar a falar da cidade mais conhecida do país (não é a capital, hein! Rsrsrs, leiam o post de Berna!), queria dividir minhas impressões gerais da Suíça: decepção. Tudo caro, povo desanimado, se você não for esquiar não tem o que fazer… enfim, não achei tudo isso não! Quem fala “ah mas se eu vivesse na Suíça” nunca visitou o país! kkkkk

DCIM101GOPROGOPR3054.

DCIM101GOPROGOPR3052.

Bom, cheguei a Zurique à tarde, de trem, na Zürich Hauptbahnhof (ou Zurich HB), que já é uma atração em si. Grande, cheia de lojas e restaurantes, vale dar uma voltinha. Fui caminhando até o hostel que havia reservado (que nem vou citar porque era péssimo e não curti rs), me instalei e fui bater perna. O tempo não estava dos melhores, mas eu curto caminhar no tempo chuvoso, as ruas ficam mais tranquilas.

Logo atravessei a cidade em busca da Altstadt (“Old Town”). Como toda parte histórica de cidades, é aquela coisa, ruas de pedras em paralelepípedos, lojinhas bonitas, alguns monumentos, vários estabelecimentos de souvenir kk, gostei muito da Altstadt de Zurique, mas depois de uma hora não tem muito o que explorar.

DCIM101GOPROGOPR3059.

DCIM101GOPROGOPR3057.

DCIM101GOPROGOPR3056.

DCIM101GOPROGOPR3061.

Já estava ficando tarde e rumei de volta para o hostel. Aproveitei para passar na Bahnhofstrasse, rua das “lojas chiques” rsrs, sempre tem que ter, né? Agradável e perto da Zurich HB, estação de trem. Jantei algo rapidinho por lá e fui dormir bem cansada.

No dia seguinte, com um dia completo na cidade, optei por começar conhecendo os principais monumentos de Zurique, as Igrejas Grossmünster, Fraumünster e St. Peterskirche. Legais mas, como já comentei em algum outro post, depois de ver tanta igreja na Europa você começa a se cansar e nem dá muito valor a elas.

DCIM101GOPROGOPR3060.

DCIM101GOPROGOPR3061.

DCIM101GOPROGOPR3055.

O ponto alto foi quando subi até Lindenhof, parque de observação no topo da cidade, fica uma galera ali sentada observando a paisagem, adorei, fiquei umas 2 horas por lá comendo lanche e olhando pra baixo haha

DCIM101GOPROGOPR3063.

Já era fim de tarde e segui então para a Opernhaus Zurich, Ópera de Zurique, bacana. Gostei mais da caminhada, pois andei pela margem do Lago Zurich é arborizado a agradável. Além do lago, o Rio Limmat também é atração na cidade e bomba no verão.

DCIM101GOPROGOPR3067.

DCIM101GOPROGOPR3065.

DCIM101GOPROGOPR3070.

DCIM101GOPROGOPR3051.

À noite jantei com um pessoal que conheci no hostel e logo de manhã já rumei para Madri, meu grande amor! Como amei morar lá! Já comecei os posts sobre a cidade, continuem me acompanhando!

Beijos,

Amanda

1 comentário Adicione o seu

  1. oi Amanda… o que é a percepção de cada viajante né?! Embora a Suíça (passei 15 dias no país) não tenha arrebatado o meu coração eu gostei bastante de tudo o que vi e vivi por lá. E o ponto alto para mim foi justamente as pessoas que muito me surpreenderam com sua simpatia, gentileza, sorrisos e prestabilidade!

    Em relação a Madri: acho uma das cidades mais sem graça que já visitei! Já estive ai um par de vezes e não me atrai em absolutamente nada (mentira, o Prado é um dos melhores museus do mundo para mim!! E viva as diferenças! rsrsrs bjs

    Curtido por 1 pessoa

Opine aqui à vontade!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s